Interpretação dos sonhos

Descrição da oração "Símbolo da Fé": interpretação e regras de leitura

Pin
Send
Share
Send
Send


As pessoas freqüentemente me perguntam qual é a oração do Símbolo da Fé. Eu vou falar sobre esta oração em detalhes hoje. Serão considerados os principais pontos que se relacionam com o significado e a história do texto. Isso ajudará a perceber plenamente a importância dessa oração.

Oração na vida de uma pessoa

É difícil superestimar a importância do texto de oração. Todo cristão que se preze deve oferecer orações pela manhã e à noite. Além disso, ele freqüenta e liturgias festivas. Isso é apenas que nem todos entendem a importância das orações. Em particular, alguns não entendem o significado da oração "Símbolo da Fé". Na maioria das vezes, as pessoas que apenas recentemente se envolveram na religião começam a fazer várias perguntas aos líderes espirituais que estão preocupados com uma determinada oração.

É claro que é muito bom que as pessoas estejam interessadas na história de uma oração em particular e tentem descobrir todos os detalhes. Porque esse desejo os ajuda a se aproximarem muito mais do Senhor. E assim o clero fica feliz em responder a essas perguntas. Além disso, eles nunca censuram as pessoas por não saberem.

É digno de nota que algumas pessoas da igreja cometem um erro muito comum. Afinal, eles desprezam as pessoas que só recentemente vieram à religião. Esse comportamento é completamente inaceitável. Mesmo que uma pessoa não saiba nada sobre religião, você não pode culpá-lo por isso. Em particular, se ele ainda faz algum esforço para consertá-lo.

A principal tarefa de todo cristão justo é ajudar aqueles que não conseguem encontrar o caminho para o Senhor ou que estão passando por certas dificuldades no caminho para encontrar a fé. É por isso que é tão importante tentar responder a todas as suas perguntas, que, em particular, dizem respeito às orações do Símbolo da Fé.

Oração: sua importância na ortodoxia

Cristãos ortodoxos usam a oração com um objetivo - apelar para o Todo-Poderoso. E esse apelo pode ser muito diferente. Alguém está orando por perdão. Afinal, todas as pessoas são pecadoras. Toda pessoa está mais cedo ou mais tarde consciente dessa verdade. E quando isso acontece, ele necessariamente apela ao céu com um pedido de misericórdia.

Mas alguns cristãos, orando, pedem coisas completamente diferentes:

  • casamento feliz - quando os problemas começam na vida familiar, a primeira coisa que vem à mente é pedir ajuda aos santos ou à Virgem Maria. Já que nem sempre uma pessoa é capaz de, de alguma forma, consertar a situação;
  • cura da doença. Qualquer doença é sempre um teste. E às vezes para tornar isso realmente difícil. Na maioria dos casos, a razão para isso é a força insuficiente da fé humana. E para implorar a ajuda do céu, as pessoas recorrem à ajuda de orações;
  • sucesso - não é um segredo para ninguém que é graças a sorte que muitas pessoas conseguem alcançar alturas. Isso nem sempre é a Srta. Fortuna que permanece do lado do homem. Quando ela se afasta dele, os problemas ganham vida. Para de alguma forma trazer boa sorte, alguns crentes estão pedindo para o céu.

Naturalmente, isso não significa que somente com essas solicitações as pessoas se voltam para o Altíssimo. Na maioria das vezes, os cristãos oferecem orações ao céu em momentos de perigo. Além disso, os sacerdotes acreditam que na maioria dos casos é o perigo que é o próprio impulso que aproxima a pessoa da fé.

Por exemplo, se um construtor estiver próximo da morte durante o trabalho de conserto, ele começará a ler silenciosamente uma oração dirigida ao Senhor. Afinal, o Criador é o seu único salvador possível, que é capaz de afastar o infortúnio e impedir que o anjo da morte tome a alma do infeliz.

Aceitação da Fé

Se falamos sobre esta oração, ela apareceu muito depois dos outros. A razão para isso foi a adoção dos credos. A princípio, o cristianismo, como religião, existia lado a lado com vários preconceitos. Além disso, o principal problema era que o cristianismo se baseava apenas em algumas fundações. E essas bases eram teses. Como resultado, muitas vezes havia vários problemas associados a doutrinas e heresias distorcidas.

Foi essa circunstância que forçou os mais altos funcionários eclesiásticos a se reunirem para introduzir certas emendas. Evidentemente, as alterações introduzidas foram mais detalhadas. O encontro do clero ocorreu no ano 325 do nascimento de Cristo.

Nesta reunião, foram aprovadas alterações muito importantes:

  • a condenação da heresia - se antes a igreja era muito tolerante e mesmo com um pouco de compreensão de diferentes heresias, depois de esclarecer as emendas, decidiu-se por medidas um pouco endurecidas contra os hereges;
  • rejeição das idéias do judaísmo - por muitos anos a Igreja Ortodoxa usou as regras e restrições que eram características do judaísmo. No entanto, agora isso parecia inadequado, por isso foi decidido abandonar essas tradições;
  • o estabelecimento de dias para descanso - como é sabido, antes era considerado sábado como um dia de folga. Neste dia, era estritamente proibido trabalhar. Mas depois os bispos chegaram à conclusão de que o domingo deveria ser um dia de folga;
  • estabelecendo a data da celebração da Páscoa - até o ano de 325, os bispos não podiam decidir quando era melhor celebrar essa celebração. Mas o significado deste feriado para os cristãos é muito alto. Mas depois desta reunião, a data foi precisamente determinada;
  • aceitação dos credos - para cada religião, sem exceção, caracterizada por diferentes credos. E, portanto, é normal que, com o tempo, os cristãos ortodoxos também quisessem adotar oficialmente seus próprios símbolos. Nesta reunião, que foi realizada em Nicéia, apenas sete credos foram aceitos.

Certamente, depois de ler o último parágrafo, muitos crentes começaram a fazer uma pergunta razoável sobre por que apenas 7 símbolos foram aceitos, se houvesse apenas 12. Na verdade, no momento é conhecido que existem 12 símbolos de fé. No entanto, em uma reunião realizada em 325, perto de Constantinopla, apenas 7 deles foram aceitos. Os cinco restantes foram aprovados muito mais tarde - no ano de 381. Este ano houve um segundo encontro ecumênico. Desta vez a coleta ocorreu diretamente em Constantinopla.

É digno de nota que a oração "Símbolo da Fé", em que existem as linhas "Eu acredito no único Deus do Pai Todo-Poderoso", é muito significativo para os cristãos. Os sacerdotes acreditam que não é menos importante que as orações de Nosso Pai e a Virgem Maria se regozijem.

Mas são precisamente essas duas orações que são usadas com mais frequência tanto pelos sacerdotes em suas liturgias quanto pelos cristãos ortodoxos que preferem orar exclusivamente dentro das paredes de sua própria casa. É por isso que os ministros da igreja insistem fortemente na necessidade de conhecer e entender essa oração.

Creed

É necessário notar imediatamente o fato de que esta oração é radicalmente diferente do resto. Já que não há pedidos que sejam endereçados aos santos, a Virgem Maria ou o Senhor. Isto é o que o distingue de outras orações. Falando sobre o significado da oração, é necessário entender que é uma declaração de certos dogmas. E eles devem ser conhecidos por todos os cristãos que desejam viver de acordo com os convênios do Senhor. Além disso, é importante não apenas conhecer esses dogmas, mas também acreditar neles fielmente.

O credo é a base do cristianismo ortodoxo. E, portanto, não é difícil adivinhar que todos os princípios da Ortodoxia estarão necessariamente contidos na oração.

Por favor, note que é aceito para ler esta oração:

  • na entrada do templo - muito poucas pessoas sabem que, ao entrar na casa de Deus, é necessário não apenas atravessar, mas também ler a oração. Infelizmente, muitas pessoas esquecem isso;
  • no batismo - durante este sacramento, o clero deve ler tal oração. Acredita-se que sem ler o rito não pode ser concluído. Afinal, é desde o nascimento que um cristão justo deve conhecer os dogmas cristãos básicos.

Mas não se deve pensar que apenas nestes dois casos é costume ler esta oração. Esse texto também é bastante usado em outros sacramentos, quando se torna necessário ler uma oração adicional. Essa oração fala da criação do próprio mundo, da vida de Jesus Cristo e de como ser liberto do pecado pelo batismo.

Vale ressaltar que apenas alguns personagens falam sobre isso. E, portanto, não se pode dizer que toda a oração é construída apenas sobre a narração, por exemplo, sobre a criação do mundo. Isso deve ser levado em conta.

Antes de começar a ler uma oração, a pessoa deve se livrar completamente dos pensamentos pecaminosos. Isso é extremamente importante. E, portanto, é impossível se apressar com a leitura das orações. Além disso, deve ser entendido que existem duas opções para essa oração. O primeiro será extremamente incompreensível para as pessoas, já que está escrito em eslavo antigo, que ainda é usado pelos sacerdotes. O segundo é o texto em russo, é mais compreensível.

Conclusão

  1. A oração "Símbolo da Fé" é usada com freqüência em vários sacramentos.
  2. Entrando no templo, todo cristão deve lê-lo e só depois ir.
  3. Você pode ler uma oração em russo para entender melhor seu significado.

Pin
Send
Share
Send
Send